quarta-feira, 22 de abril de 2015

Atividade diferenciada (HORA-EXTRA) da GCM de São Caetano do Sul completa 1 ano com queda da violência

Atividade Diferenciada da GCM é projeto pioneiro no Brasil

Robson de Almeida/PMSCS

A ousadia pela implantação de um projeto pioneiro no Brasil faz de São Caetano do Sul uma cidade muito mais segura. Esta é a síntese do balanço da Atividade Diferenciada da Guarda Civil Municipal (GCM), que completa um ano nesta quarta-feira (15/4).

No projeto, a Prefeitura paga para que os guardas atuem em dias de folga. São R$ 158 por jornada de 12 horas, com no máximo dez plantões especiais por mês, respeitando os intervalos legais de descanso. Desta forma, cada guarda pode incrementar sua renda mensal em R$ 1.580.

A adesão ao programa é voluntária. Mesmo assim, desde que entrou em vigor, a Atividade Diferenciada saltou de 40 para 160 participantes. Esta condição reforça em cerca de 20% o efetivo da corporação nas ruas, possibilitando o funcionamento de todas as bases de segurança 24 horas por dia e a operação das 37 viaturas disponíveis.

Com o planejamento reformulado graças à ampliação do contingente, a violência despencou em São Caetano. É o que mostram dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado.

O levantamento compara os dez meses posteriores à implantação da Atividade Diferenciada (maio de 2014 a fevereiro de 2015), com os dez meses anteriores (maio de 2013 a fevereiro de 2014) – o órgão estadual ainda não consolidou o balanço de março e o mês de abril segue em curso, impossibilitando a inclusão destes meses no comparativo.

No período avaliado, o roubo de veículos, principal desafio das forças de Segurança na cidade, caiu 46,9% (de 764 para 406 ocorrências); os homicídios retraíram 20% (de 5 para 4); o roubo de outros bens diminuiu 10,8% (de 1037 para 925); e o furto de veículos registrou queda de 10,3% (de 756 para 678 casos).

“Este números refletem o nosso esforço no combate à violência. Implantamos o conceito de tolerância zero com o crime, que se mostra exitoso. Estamos protegendo a nossa população, que pode caminhar mais tranquila pelas ruas. Vamos reduzir ainda mais estes índices”, confia o prefeito Paulo Pinheiro.

A Atividade Diferenciada integra o maior pacote de investimentos da história de São Caetano na Segurança, lançado pelo chefe do Executivo em abril de 2014. O conjunto de ações abrange obras, aparelhamento e execução de programas estratégicos.

Segundo o comandante da GCM de São Caetano, Douglas Bispo da Silva, os números mais uma vez comprovam a eficiência destas ações. “Nosso município foi um dos poucos de São Paulo que conseguiu reduzir os indicadores em uma escala tão grande no período”, destacou – o roubo de veículos na cidade registrou a queda mais acentuada em todo o Estado.

(Nota do editor do Blog - O nome atividade diferenciada pode ser pioneiro mas muitas GCMs por todo o Brasil pagam hora-extra para que o policial trabalhe em sua folga o que no final é a mesma coisa.)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários não representam a opinião do Site Amigos da Guarda Civil, a responsabilidade é do autor da mensagem.